Ads Top

A questão "Elementary" e Frankenstein

O problema, todos os fãs de Sherlock já conhecem: a CBS procurou a produção de Sherlock, a fim de realizar uma versão americana da série. Ouviram um "não" como resposta, e resolveram fazer assim mesmo. O piloto foi apresentado, aprovado e na primavera deste ano chega às telas "Elementary", série que - pra se livrar de um processo - a CBS resolveu adotar algumas diferenças que praticamente descaracterizaram o Sherlock Holmes que todos conhecemos (dos livros de Conan Doyle até suas variadas versões).

Na versão americana, Sherlock Holmes (Jonny Lee Miller) está aposentado e procura se livrar do vício de drogas em Nova York. Lá, conhece Joan Watson, interpretada por Lucy Liu (As Panteras), cirurgiã que perdeu um paciente e, em consequência a licença. Assim como Sherlock, Elementary também se passa nos dias de hoje e também traz o detetive em seus novos trajes: sobretudo e cachecol (sendo este último uma ideia dada por Benedict Cumberbatch para a série inglesa, assim como as luvas; e curiosamente adotada pela americana). Mais curioso ainda foi o fato de um boato ter sido desmentido por Sue Vertue, de que ela iria ajudar na produção da série. A quem interessaria espalhar um rumor deste tipo? Este fato foi lembrado por Steven Moffat em recente entrevista, publicada aqui no blog:

"Ficamos um pouco surpresos. A CBS chegou na gente querendo adaptar a nossa versão e nós dissemos "não, nós ainda não estamos prontos para fazer isso, mas saibam que manteremos contato e ele disse que que éramos ótimas pessoas, cheio de integridade e poucas semanas depois nós descobrimos que eles tinham ido em frente e iriam fazer isso de qualquer forma. Então esse é outro exemplo do que acontece na televisão de Los Angeles, eu acho, ainda que não tenha ficado impressionado. O que eu posso dizer é que é complicado. Se [o programa] for ruim, será afetado, desvalorizará o nosso programa e se for muito parecido, teremos que agir e você já sabe que Sue [Vertue]teve que corrigir alguém na imprensa que disse que ela iria produzir a versão americana de Sherlock, que não é a nossa. Então é...o que você imagina disso? É um comportamento bastante notável, eu diria."



O blog SnailTrail trouxe uma postagem onde tenta apontar algumas das diferenças entre as séries e faz um resumo do imbróglio, com as declarações de Moffat, Cumberbatch e Jonny Lee Miller:

 “Não quero que soe como se eu e o Mark não quiséssemos que outros tentassem fazer isto. Nós aceitamos, apenas não queremos que danifiquem a marca.” 
“Como já sabemos pelo filme do Downey Jr, existe espaço suficiente para dois [Sherlock Holmes], então porque não três?” Diz Benedict Cumberbatch, acrescentando que vê Miller, com quem contracenou na peça de teatro “Frankenstein”, como “um amigo”. 
“[Elementary] será diferente e eu não acho que roubará o amor ao nosso e não há razão para ser grosseiro ou amargo quanto a eles ou quanto ao que estão a tentar fazer.” 
Quando questionado acerca das possíveis semelhanças de “Elementary” e “Sherlock”,eis o que Jonny Lee Miller respondeu: “Sim, obviamente, tu olhas para ele [Elementary] e dizes, «Espera um segundo…», mas sinto que existem diferenças suficientes. Eu pensei que conseguiria fazer algo com o papel; de outro modo, não haveria razão de o fazer.”
Confira o making of de "Elementary" e veja aqui os comentários do Snail Tral sobre as diferenças entre as séries: 
http://rastodocaracol.blogspot.com.br/2012/06/ira-sherlock-enfrentar-um-problema.html

Making Of

Voltando a falar sobre a peça onde Cumberbatch e Lee Miller atuaram juntos...

Ligado em Série resume:
É um encore das gravações ao vivo realizadas em 2011 para a 1ª transmissão ao vivo mundial da peça. Nesta adaptação da obra de Mary Shelley, Cumberbatch e Miller se alternam nos papeis de Dr. Frankeinstein e O Monstro em cada um dos dias de exibição. 
Em Frankenstein, de Nick Dear, com direção de Danny Boyle (Slumdog Millionaire). A peça do Royal National Theatre teve estrondoso sucesso nos palcos de Londres em curtíssima temporada no início de 2011 e será transmitida novamente em cinemas selecionados no mundo todo.  
Infelizmente nenhum cinema da América Latina exibirá a peça. Veja mais informações sobre onde e como assistir Frankenstein ao redor do mundo com os “Sherlocks” da TV no site oficial da atração.

Pelo visto o casting de Johnny Lee Miller para o papel de protagonista em Elementary denota a vontade dos produtores do plágio da versão americana em tentar repetir o sucesso de Sherlock a todo custo. Veja o trailer de Frankenstein:
Para várias informações (em inglês) e fotos, clique aqui.




Nenhum DVD está nos planos da National Theatre, porém há uma petição online para que isso aconteça: http://www.petitionspot.com/petitions/GetFrankensteinOnDVD
Na página da petição no Facebook (https://www.facebook.com/pages/Danny-Boyles-Frankenstein-Cumberbatch-Miller-DVD-Petition/108219549261254?ref=ts&sk=info) há uma carta que pode ser copiada, colada e enviada para os responsáveis. Eu enviei uma e recebi a seguinte resposta:


"Muito obrigada pelo seu email.


Aprecio bastante o seu desejo em ver Frankenstein lançado em DVD. Infelizmente não há nenhum plano imediato para o lançamento de um DVD, devido aos acordos dos diretos com nossos artistas e nosso foco no momento é levar a experiência aos cinemas. Apesar disso, nós recebemos um enorme interesse pelas versões em DVD das nossas apresentações e estamos ativamente explorando transformar em realidade. 


Manteremos vocês informados sobre os nossos progressos através da nossa mailing list. 


Etc.."
"Many thanks for your email. I very much appreciate your desire to see Frankenstein released on DVD.  Unfortunately there are no immediate plans to release a DVD due to our rights agreements with our artists and our current focus on building the live, communal experience in cinemas. We have however received great interest in DVD versions of all our broadcasts and we are actively exploring making this a reality. [grifo meu]

We will certainly keep you posted on our progress through the NT Live mailing list. If you have not signed up for email alerts, you can do so on our official site: https://www.nationaltheatre.org.uk/69876/email-sign-up/for-national-theatre-live.html

Once again, many thanks for your email and support of NT Live. Please let me know if I can be of further assistance.

Best regards,
Sara
Sara IsraelNational TheatreNT Live 
 
sisrael@nationaltheatre.org.uk"

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.